Para inspirar

O ano novo astrológico começa hoje e as mudanças na sua vida também

20 de março de 2017

Esse post não estava na planilha de posts do Vai por Mim. Não estava preenchendo nenhuma coluna do excel nem pendurado no meu mural de planner semanal. Esse post tá nascendo agora, conforme eu vou escrevendo essas palavras no editor do wordpress e apareceu como uma ideia daquelas que a gente nem precisa pensar muito, só sentir.

Hoje acordei animada, disposta a fazer alguma coisa nova e inspirada a trabalhar nos meus projetos pessoais. Daí liguei a TV e a primeira notícia que vi foi a chegada do Outono e eu, toda mística que sou, já pensei “deve ser isso! Estação nova, energia nova… e esse clima gostoso do outono que eu amo, parece que traz uma calma e uma paz depois do verão enérgico que a gente teve”. Pronto, me satisfiz. Liguei o computador pra começar a trabalhar e vi um e-mail do Linkedin, daí lembrei que o meu anda bem desatualizado. Entrei lá e comecei a fazer uma faxininha, coisa pouca. Pronto.

Abri uma aba e comecei a fazer um monte de coisa que eu tava deixando pra depois: responder e-mail, atualizar perfis, responder a galera da minha lojinha no Enjoei, responder whatsapps atrasados (sorry, pessoal) e pronto. Deu aquela sensação de “done!”, sabe? Adoro ela. Dei uma pausa, abri o Facebook e a primeira coisa que eu vi foi “O ano novo astrológico começa hoje!”. TRAVEI. Sabe quando a sua manhã toda começa a fazer sentido? Bati a mão na testa e falei (sozinha) “GENTE MAS É CLARO! Como não me liguei antes?”.

planets

“Bruna mas q q cê tá falando sua loka?” Vou explicar: pra gente o ano começa no dia 1 de janeiro, né? Mas para a astrologia, ele começa no dia 20 de março. Isso porque é quando o Sol entra em Áries (não por acaso, esse é o primeiro signo do zodíaco) e quando acontece o primeiro equinócio do ano (de Outono, para nós) e os dias e noites passam a ter a mesma duração nos dois hemisférios. Isso significa que hoje começa um novo ciclo astrologicamente falando, e esse novo ciclo é regido por Saturno. E é aí que o bicho pega.

Saturno é o planeta da responsabilidade, tempo e disciplina. Estamos saindo de um ciclo regido pelo Sol que durou 36 anos! Ou seja, quem tem menos de 36 anos nem sabe o que é viver em um mundo regido por outro planeta. O Sol é um planeta lindo, mas ele traz muita luz para o ego, para o “ter antes de ser”, para a busca pelos padrões estéticos e para a exibição da nossa vida, tentando mostrar sempre que temos a vida perfeita mesmo quando essa não é bem a realidade (redes sociais nasceram quando mesmo? Ah tá). Enquanto o Sol vive do ego, da vida perfeita, Saturno vive da realização e da vida real. Nesse novo ciclo, quem ficar parado esperando tudo cair do céu vai é cair do cavalo. Não vai ter espaço para quem pouco faz. Mas para quem se dedicar, trabalhar duro e for atrás dos seus sonhos, Saturno vai recompensar. Mas vai recompensar com o tempo, viu? Não vai ter espaço pra ansiosos (oi, falou comigo?) e sim para aqueles que tiverem disciplina e respeitarem que tudo acontece no seu tempo. Tio Saturno é exigente mas ensina muito! <3

A tal faxininha que eu fiz no meu Linkedin foi uma amostra do que eu (e todo mundo) preciso fazer na vida: tirar o que não faz bem, o que está sobrando e não está acrescentando e deixar ali só o que realmente importa e o que vai ajudar a atingir os objetivos. Faxina na vida já, galera!

E por hoje ser O DIA, vale a pena tirar alguns minutinhos para pensar em você, para organizar as ideias e os objetivos e inspirar essa energia boa de recomeço que o ano novo astrológico trás. Hoje a noite vou fazer algumas coisas nesse sentido e quis compartilhar aqui com vocês. São pequenas coisas que me ajudam a ter foco, disciplina e inspiração para mandar ver nesse ano lindo e deixar Saturno orgulhoso 🙂 Vem comigo!

1) Pare e respire

Eu sei que o dia vai ser um caos, que vai ter problema a beça e que o trânsito vai te tirar do sério. Mas quando você chegar em casa, pare e respire. Ache um cantinho gostoso, deixe meia luz, fique sozinha, ligue uma musiquinha (tem uma playlist pra isso no fim do post) e fique em silêncio. É só o tempo de você entrar em sintonia com você mesma. Feche os olhos e se conecte com o que está lááá no fundo. (Tem filho correndo pela casa e vai tá tudo um caos? Faça no carro, no hall do prédio, no banho… é rapidinho!).

2) Escreva

Pegue um pedaço de papel e coloque nele só UM objetivo principal para esse novo ano. Eu disse um! Eu sei que você quer muita coisa ao mesmo tempo e agora. Mas Saturno vai te exigir foco (lembra da disciplina?). Sabe aquilo “quem muito quer, nada tem”? Então. O que você mais quer? O que precisa acontecer na sua vida para ser a válvula para realizar os seus objetivos secundários? O que vai te ajudar a conquistar os seus sonhos? A hora é agora. Manda ver! Depois que escrever o seu objetivo principal, escreve embaixo pelo menos 3 ações que você precisa fazer para conseguir realizar o seu objetivo principal. Se o seu objetivo principal é arrumar um emprego novo, por exemplo, o que você precisa fazer para atingir isso? Organizar o seu CV? Fazer algum curso? Ampliar seu network? Mandar um e-mail pra aquele ex chefe que te adorava? Essas são as ações de impulso ao objetivo principal. Sacou? Então escreve ai.

3) Planeje

Vai começar por onde? E quando? Não, não é “quando der” nem quando “você tiver um tempinho”. Simplesmente porque nunca vai dar e esse tempinho nunca vai cair no seu colo. Esse é o ano perfeito para finalmente você ter aquela agenda de papel, aquele planner MARA que você viu alguém usando. Coloque nessa agenda quando você vai tomar as atitudes que vão resultar nas ações. A ação é começar um curso novo? Então você vai colocar na agenda assim: amanhã vou pesquisar cursos e entrar em contato e vou decidir até sexta-feira dessa semana. Pronto, agora existe um compromisso. Seu com você mesma (e quer compromisso maior?). E se cobre! Ninguém vai te ligar perguntando se você fez aquilo que tava na sua agenda, mas você precisa ter a disciplina de saber o que você precisa fazer e se cobrar disso. Só depende de você, mais do que nunca.

planner

ADENDO: não tenha medo do fracasso. Aliás, chega dessa história de que fracasso é pejorativo. O fracasso pode aparecer por diversos motivos e quem somos nós pra entender os movimentos da vida? Se não deu certo, não era pra ser. Vai vir coisa melhor. O caminho vai mudar pra outra direção e você vai descobrir que esse foi muito melhor. A cobrança é válida para que você se force a sair da sua zona de conforto e se mexer. Mas se nada der certo, pelo menos você tentou. E isso já é dar muito certo.

Daí pra frente, é uma questão de tocar o barco. Uma coisa importante é colocar como objetivo algo que vá de encontro aos seus valores e a quem você realmente é (por isso aqueles 5 minutinhos de pausa no começo, pra você se ouvir sem julgamentos e sem “mas o que vão pensar se eu fizer isso?” Dane-se o que vão pensar. Vá atrás do que te faz feliz, porque a vida é só sua e quem vive nela o tempo todo é você). Coloque no papel objetivos que vão beneficiar você e o que realmente faz parte da sua essência! Porque a gente sabe que uma pessoa feliz com ela mesma se sente poderosa, fazedora da p**** toda e dona de uma felicidade e confiança percebida por todos em volta dela. Sim, é contagiante. OBA!

 

Ah, é! A playlist! Toma:

 

E vê se não esquece:

girl

Leia também

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply Claudia Hi 21 de março de 2017 at 08:49

    Que post lindo Bru! Ouvi muita gente falando sobre o ano novo mas nem me interessei pra saber exatamente o que era. Achei muito interessante. Agora que li seu post achei que tudo faz sentido!

    Será que a nossa geração já estava se preparando para esse ano? Vejo muita gente buscando mais a realização pessoal e não material….

    Feliz ano novo astrológico Bru! ♥

    • Reply Bruna Costa 23 de março de 2017 at 16:59

      Acho que sim, Clau! Pensei muito nisso! Estou esperançosa com o que está por vir com esse novo ciclo <3 que ele seja bom para todos nós! 🙂

    Leave a Reply